Medicina do Trabalho – Exame admissional

O exame admissional atesta se o funcionário está apto para iniciar o trabalho. Todos os encargos são pagos pela empresa e a validade depende da função exercida.

O exame admissional tem o objetivo de atestar as condições de saúde do empregado, bem como garantir sua segurança no trabalho, evitando futuros problemas para as empresas. O exame atesta se a pessoa tem algum problema de saúde que possa incapacitá-lo no exercício da função que irá desempenhar, ou que possa se agravar em decorrência da atividade profissional.

O ASO – Atestado de Saúde Ocupacional – é o resultado dos exames, onde fica atestado as condições de saúde que o funcionário apresenta antes de iniciar as atividades profissionais na empresa. O Aso pode ter três conclusões possíveis: Apto para a função, Apto para a função com restrições, Inapto temporariamente ou Inapto para a função.

QUEM PAGA O EXAME ADMISSIONAL?

A responsabilidade pelo pagamento do exame admissional, bem como todos os encargos e despesas provenientes dele, é a empresa que vai contratar o empregado. A obrigação do funcionário é comparecer no local e data marcados, para se submeter ao exame.

O Exame admissional é uma obrigação da empresa e é útil para atestar as condições de saúde do candidato que pretende contratar. Sendo assim, a contratação do futuro empregado depende se o exame o considerar apto a exercer as funções pretendidas.

O empregado não tem que pagar qualquer encargo proveniente do exame admissional. Assim, se a empresa se negar a pagar o exame, fica sujeita ao pagamento de indenização caso o empregado seja acometido por alguma doença durante o seu período de trabalho. Por isso, o exame é uma segurança tanto para o empregado, quanto para a empresa.

QUANDO DEVE SER FEITO O EXAME ADMISSIONAL?

O exame deve ser feito antes do início das atividades profissionais, portanto, depois do processo seletivo para ocupar a vaga e antes de assinar a carteira de trabalho. O médico ocupacional é o responsável pela realização dos exames que determinam se o candidato está apto para a vaga.

As Normas Regulamentadoras de Segurança e Medicina do Trabalho determinam que novos exames devem ser feitos periodicamente. Sendo que o mais normal é que sejam feitos uma vez por ano, e com frequência maior quando se trata de empresas ou profissões de risco.

Fonte: (Exame)