As profissões menos estressantes em 2016

trabalho-sem-estresse-em-2016Lidar com ameaças de invasões cibernéticas pode não ser tarefa das mais relaxantes para um analista de segurança da informação, mas a carreira aparece como a menos estressante para 2016.
A classificação é do site Career Cast que leva em conta 11 fatores para ranquear carreiras pelo seu potencial de estresse. Prazos, viagens, competitividade, riscos para a vida e para a saúde do profissional, interação com o público e julgamento da opinião pública são os principais  aspectos presentes na metodologia da equipe do site para compor o seu índice que vai até 100, o nível máximo de estresse.
Confira a seguir, as 10 profissões com os menores índices de estresse nos Estados Unidos em meio a mais de 200 carreiras ranqueadas.

1º Analista de segurança da informação
Índice de estresse    3,8
Salário médio anual nos EUA    88.890 dólares

2º Ultrassonografista
Índice de estresse    4
Salário médio anual nos EUA    62.540 dólares

3º Professor universitário
Índice de estresse    6,94
Salário médio anual nos EUA    70.790 dólares

4º Cabeleireiro
Índice de estresse    7,47
Salário médio anual nos EUA    23.200 dólares

5º Técnico em registros médicos
Índice de estresse    7,55
Salário médio anual nos EUA    35.900 dólares

6º Técnico de Laboratório Médico
Índice de estresse    8,98
Salário médio anual nos EUA    49.310 dólares

7º Joalheiro
Índice de estresse    9,1
Salário médio anual nos EUA    36.870 dólares

8º Audiologista
Índice de estresse    9,3
Salário médio anual nos EUA    73.060 dólares

9º Nutricionista
Índice de estresse    10,23
Salário médio anual nos EUA    56.950 dólares

10º Bibliotecário
Índice de estresse    10,58
Salário médio anual nos EUA    56.170 dólares

E se o seu trabalho for estressante, o que fazer?

estresse-no-trabalho-como-resolver

O estresse atinge 70% dos trabalhadores. As causas são variadas, desde o excesso de trabalho até o medo da demissão. Os profissionais precisam aprender a lidar com os “estressores” – as fontes de estresse.

Saiba como você pode lidar com o estresse ou evitá-lo no ambiente corporativo.

1° Identifique a situação
Determinar se você tem ou não controle sobre uma situação de irritabilidade é o primeiro passo. Por exemplo, não é possível ter controle sobre o comportamento do outro. A partir daí, o profissional deve decidir se vai conviver com a situação ou fugir dela.
No caso de a ocasião gerar muito desconforto, a alternativa pode ser mudar de área ou buscar uma nova oportunidade no mercado de trabalho. Se os seus valores e sonhos não condizem com os ideais da empresa em que trabalha, o melhor é procurar uma nova colocação.

2° Não aja por impulso, nem fique na defensiva
O profissional precisa identificar os sintomas do estresse. Quando eles aparecerem, é necessário adotar um comportamento racional.
Em muitos casos, o profissional incorpora uma conduta defensiva por dificuldades em gerenciar o estresse, mas às vezes uma conversa com o chefe basta para solucionar o problema.

3° Administre o tempo
É preciso fazer pausas durante o expediente. De duas em duas horas, faça pausas de cinco minutos. Vá tomar um café, falar sobre o churrasco do fim de semana.
O profissional deve ainda planejar o dia de trabalho, e considerar imprevistos. Quando surgirem, você terá de reorganizar suas tarefas.

4° Cuide da saúde
Profissionais que adotam um estilo de vida saudável se recompõem de situações estressantes mais rápido. A recomendação é dormir bem, alimentar-se adequadamente, praticar atividade física.
Outra dica é o exercício de relaxamento, a respiração abdominal profunda, por exemplo, pode trazer conforto físico e tranquilidade emocional.

5° Trabalhe por “estímulo”
Mesmo que a atividade não provoque o prazer almejado, deve-se compreender que às vezes é necessário passar por etapas indesejadas para alcançar metas e objetivos. Por exemplo, um profissional que deseja ter sua própria empresa no segmento de vendas precisará passar pela experiência de vendedor, galgar o cargo de supervisor, talvez gerente. Ele vai necessitar de todo um background para conquistar a autonomia.

6° Dedique-se à vida pessoal. Cultive relacionamentos
Não deixe que a correria do dia a dia distancie você dos seus relacionamentos. Da mesma maneira, não pare de praticar ou de participar de tarefas que lhe são prazerosas.

Fonte: Exame e Empregos